PPGCF - Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas - UFPR

Teses de Doutorado

AVALIAÇÃO CUSTO-UTILIDADE DOS TRATAMENTOS PARA A HEPATITE B CRÔNICA

ASTRID WIENS

Programa: Doutorado 2009
Linha de pesquisa: Indeterminado

Orientador: Prof. Dr. Roberto Pontarolo
Co-orientador: Prof. Dr. Cassyano Januário Correr Profª . Drª. Maria Lúcia A. Pedroso

Data da defesa: 25/11/2011  


Banca Examinadora

Prof. Dr. Roberto Pontarolo Orientador(a)
Profª. Drª. Shirley Ramos da Rosa Utiyama e Prof. Dr. José Domingos Fontana Universidade Federal do Paraná
Prof. Dr. Giácomo Balbinotto Neto Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Resumo

Antecedentes. Atualmente no Brasil, seis medicamentos são aprovados para o uso
em hepatite B crônica, adefovir (ADF), entecavir (ETV) interferon alfa convencional
(IFN-α) e peguilado (PEGIFN-α), lamivudina (LAM) e tenofovir (TDF). Esses
medicamentos (com excessão da LdT) pertencem ao Componente Especializado da
Assistência Farmacêutica, são financiados pelo Ministério da Saúde (MS) e
fornecidos gratuitamente à população como parte do tratamento. Outro
medicamento, a telbivudina (LdT) é mundialmente utilizada para o tratamento da
doença, e apesar de não ser financiada pelo MS é comercializada no Brasil.
Objetivos. O objetivo desse estudo foi realizar uma avaliação custo-utilidade dos
medicamentos para a hepatite B crônica sob perspectiva do Sistema Único de
Saúde (SUS), subsidiando dessa forma os gestores para a melhor alocação dos
recursos disponíveis. Métodos. Foi realizada uma avaliação econômica do tipo
custo-utilidade dos tratamentos para a hepatite B crônica. Na busca de resultados de
eficácia e segurança das terapias foi realizada uma revisão sistemática. Foram
incluídos estudos clínicos randomizados que avaliaram as terapias para hepatite B
nas doses recomendadas no Protocolo Clínico relativo à patologia. Outra revisão
sistemática foi realizada na busca de dados de qualidade de vida e transição entre
estados de saúde dos pacientes com hepatite B crônica. O modelo de análise de
decisão utilizando ciclos de Markov foi elaborado com o software TreeAge Pro®,
considerando horizonte temporal de 40 anos com ciclos anuais, para três grupos de
pacientes: HBeAg positivos, HBeAg negativos e todos os pacientes. Os custos de
cada tratamento foram calculados conforme dados fornecidos pelo Centro de
Medicamentos do Paraná (CEMEPAR), relativos às remessas recebidas do MS no
ano de 2011. O custo da LdT foi obtida do Índice ABC Farma. Custos de
procedimentos foram consultados no Sistema de Gerenciamento da Tabela de
Procedimentos, Medicamentos e OPM do SUS – SIGTAP. Os custos dos estados de
saúde foram retirados de um estudo brasileiro. As estratégias foram comparadas ao
não tratamento. Foram aplicadas taxas de desconto de 5% e realizadas análises de
sensibilidade. Resultados e Discussão. Na revisão sistemática foram incluídos 29 
estudos avaliando a eficácia e segurança das terapias para hepatite B crônica. O
TDF apresentou a melhor relação custo-utilidade para os três modelos avaliados:
R$684,00, R$663,00 e R$677,00 (por QALY, respectivamente para pacientes
HBeAg positivos, negativos e totais). Todas as outras estratégias sofreram
dominância completa, pois apresentaram maiores custos e menores utilidades. A
sequência da relação custo utilidade nos três modelos foi: TDF, ETV, LAM, ADF,
LdT, IFN-α peguilado e IFN-α. Nas análises de sensibilidade o LdT passou a ter
melhor relação custo-utilidade que o ADF em algumas situações. O estudo
apresenta algumas limitações, relacionadas principalmente à criação de cenários e à
modelagem. Conclusões. O TDF foi o medicamento que apresentou melhor relação
custo-utilidade para todos os tipos de pacientes, HBeAg positivos ou negativos. Os
resultados encontrados nesse estudo podem servir de subsídio para tomada de
decisão e revisão dos protocolos clínicos, envolvendo principalmente a alocação de
recursos para saúde disponíveis.



« voltar

Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas

SITE DESATIVADO, FAVOR CONSULTAR O NOVO SITE
http://www.prppg.ufpr.br/site/ppgfarmaceuticas/pb/